Vitória é goleado por reservas do Cruzeiro e caminha de forma melancólica para a Série B
13 Dezembro 2018
Anuncie aqui
Banner  Central 3

Vitória é goleado por reservas do Cruzeiro e caminha de forma melancólica para a Série B

Os poucos torcedores que ainda acreditavam na salvação do Vitória certamente perderam suas esperanças na noite desta quarta-feira (21). Diante do time reserva do Cruzeiro, o Rubro-Negro sofreu mais uma derrota, desta vez de goleada, por 3 a 0, no Mineirão.

Aderllan, em um lance bizarro, marcou contra o primeiro gol. O próprio zagueiro tocou com a mão na bola na área e cometeu o pênalti que resultou no segundo gol, marcado por Fred. O placar só não foi mais elástico devido à grande atuação do goleiro João Gabriel.

Com o resultado, o Leão ficou a um passo da Série B. Com 36 pontos, na vice-lanterna, o time baiano pode terminar a rodada com até cinco pontos de distância para o primeiro clube fora do Z-4 com apenas seis pontos a serem disputados. O rebaixamento pode ser sacramentado já no próximo domingo (25), quando os comandados de João Burse recebem o Grêmio no Barradão.

PRIMEIRO-TEMPO

O jogo mal começou e o Vitória já sofreu uma baixa. Aos 13 minutos, Rodrigo Andrade caiu sobre o ombro e, com muitas dores, precisou deixar o campo para a entrada de Lucas.

Cinco minutos depois, o Cruzeiro teve a primeira chance. Robinho cobrou escanteio, Léo desviou de cabeça e tirou tinta da trave.

Aos 25, foi a vez de Lucas Silva assustar. Com uma bomba de fora da área, o meia exigiu bela defesa de João Gabriel.

Aos 30, Foi a vez de Patrick fazer bela jogada, deixar Lucas no chão e chutar no canto. Com os pés, João Gabriel fez outra grande defesa.

O Vitória só chegou com perigo aos 33 minutos. Após cobrança de escanteio de Benítez, Léo Ceará desviou de cabeça e a bola passou perto do travessão.

Mas, aos 42, o Rubro-Negro voltou a se atrapalhar. Ezequiel cruzou bola da direita, a bola atravessaria a área, mas Aderllan, sozinho, resolveu desviar e acabou mandando para as redes e marcando mais um gol contra.

No fim da etapa inicial, o Leão ainda quase empatou. Benítez cobrou bem o escanteio e Rafael desviou com os dedos para evitar um gol olímpico.

SEGUNDO-TEMPO

Com a derrota na primeira etapa, o Vitória voltou para o segundo tempo com mais uma alteração. Neilton entrou no lugar de Fillipe Soutto.

O time baiano até que voltou melhor e pressionou o Cruzeiro nos primeiros minutos. Mas, aos nove minutos, Aderllan roubou a cena mais uma vez. 

O zagueiro foi tentar cortar um cruzamento e tocou com a mão na bola na área. O árbitro marcou pênalti, convertido por Fred, que deslocou João Gabriel.

O time mineiro foi em busca do terceiro gol e só não marcou aos 14 por causa de João Gabriel. Após bola cruzada na área, Fred desviou e o goleiro fez outra boa defesa.

Um minuto depois, Ezequiel recebeu passe na área, chutou forte e acertou o travessão. Aos 19, o goleiro salvou outra em chute de primeira de Rafinha. No rebote, David isolou sozinho, de frente para o gol.

Mas, o terceiro veio aos 26. Após troca de passes com facilidade, Fred recebeu livre na área e desviou nas redes.

 

 

Fonte: Galáticos

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Galeria de Fotos

Mais Lidas