Em jogo disputado e com poucas chances, Daniel decide e coloca o Bahia na final da Copa do Nordeste
02 Dezembro 2020
Anuncie aqui
Banner Central 4

Em jogo disputado e com poucas chances, Daniel decide e coloca o Bahia na final da Copa do Nordeste

Em jogo truncado, muito disputado, mas com poucas chances de finalização, o Bahia conseguiu a tão esperada classificação para a final da Copa do Nordeste de uma maneira que o torcedor conhece bem, no final e com emoção, Daniel decidiu a partida para o Tricolor com apenas um toque na bola. 

Jogo fraco tecnicamente do time de Roger Machado, mas no fim o que valeu foi a classificação e o Bahia vai para a quarta final da Copa do Nordeste nos últimos 6 anos.

O JOGO

PRIMEIRO TEMPO

Buscando o controle do jogo, aos 4 minutos, o Bahia chegou com perigo em chute de Juninho Capixaba, bola desvia na marcação e passa próximo ao gol de Rafael.

Que defesaça de Rafael. Aos 16, Fernandão recebeu cruzamento rasteiro de João Pedro e chutou, no contrapé, Rafael defendeu com a ponta do pé.

O Confiança estava defensivamente bem postado em campo e deu poucas chances ao Bahia no primeiro tempo, mas o time também não atacava. Apenas aos 30 minutos, Ítalo deu o primeiro chute do Dragão, mas a bola passou longe do gol de Anderson.

Após 47 minutos de um futebol morno e de poucas chances, o árbitro encerrou o primeiro tempo em 0 a 0.

SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa começa com muitos erros de passe por parte das duas equipes e com o Confiança cometendo diversas faltas, enquanto o Bahia mantém a maior posse de bola.

Apenas aos 17, o Bahia finalizou e assustou o goleiro Rafael. Em contra-ataque rápido, Flávio enfiou a bola nas costas da marcação para Élber que arranca e chuta por cima da meta.

Aos 24, Thiago Ennes levantou na área na cabeça de Rafael Vila, que nem precisou pular para cabecear no gol do Bahia. Bola assustou Anderson, mas foi para fora.

Confiança cresceu na partida, e aos 38, Mikael tabelou com Djalma, invadiu a área e tentou cruzamento. Bola desviou na marcação e passou por cima da trave assustando o goleiro Anderson.

Quando o jogo parecia qu iria para os pênaltis, aos 42, Élber ajeitou para Daniel, que no seu primeiro lance na partida, bateu de fora da área e acertou o canto direito do gol de Rafael Santos, abrindo o placar para o Bahia e levando o Tricolor para a final da Copa do Nordeste.

 

 

 

Fonte: Galáticos 

Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Galeria de Fotos

Mais Lidas