Polícia investiga entrada de armamentos pesados na Bahia; nove armas foram apreendidas neste ano, diz SSP
20 Setembro 2020
Anuncie aqui

Polícia investiga entrada de armamentos pesados na Bahia; nove armas foram apreendidas neste ano, diz SSP

Especialistas de segurança pública investigam a expansão de tráfico de armamentos pesados na Bahia. Segundo a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), nove equipamentos foram apreendidos durante o ano.

Nesta quinta-feira (13), um fuzil M4, arma usada pelas forças armadas dos Estados Unidos, com mira telescópica, foi apreendido, no bairro de Cassange, em Lauro de Freitas, cidade na região metropolitana de Salvador.

A arma pesa cerca de 3kg, tem carregador para 30 cartuchos e um mira telescópica acoplada, que permite atingir o alvo até dois mil metros, ou seja, 2 quilômetros.

"É uma arma usada em guerras convencionais, normalmente por infantaria leve ou forças táticas. Então, estamos falando de um fuzil extremamente letal, são armas de guerras, nós estamos falando de armas usadas em guerras convencionais, mas também são armas escolhidas por narcotraficantes, para proteger o território dominado por eles e para enfrentar a força legal", disse o especialista em segurança e ex integrante do Bope carioca, Paulo Storani.

Segundo os especialistas, a arma, fabricada nos Estados Unidos chega a ser vendida até por R$ 75 mil. Com o suspeito, identificado como Alan Rodrigues Caetano, de 26 anos, também foram apreendidos dois quilos de maconha, dinheiro, balança de precisão e munições.

A polícia informou que o suspeito, apontado como chefe de grupo criminoso, foi preso.

"É um velho conhecido da polícia, com várias passagens por tráfico de drogas, homicídios e estava com essa arma, de plataforma aérea, fabricação norte-americana. A arma chega no mercado aqui na Bahia por volta de R$ 75 mil e possui a mira telescópica, que dá precisão e alcance para um disparo de longa distância", disse o major Edmundo Assemany, comandante da Rondesp Atlântico.

Em julho, outro fuzil e uma metralhadora foram encontrados em um esconderijo, no bairro de Sussuarana, em Salvador. Três meses antes, uma operação conjunta da Policia Federal (PF), com a polícia baiana e do Rio Grande do Norte, resultou na prisão de um homem no litoral norte, com seis fuzis dentro de um carro. As armas teriam saído da Paraíba.

O fuzil encontrado nesta quinta, em Lauro de Freitas, a outros 21 apreendidos semana passada no Rio de Janeiro. Para o especialista em segurança pública, as apreensões demonstram a existência de uma nova rota de tráfico de armas em diferentes regiões.

"Eu não tenho dúvidas, pode ser ou traficante de arma ou traficantes de armas que receberam um lote muito grande. Se não for o mesmo vendedor, é um grupo de vendedores que receberam uma grande quantidade desse tipo de armamento e estão distribuindo pelo Brasil", disse Paulo Storani.

O que me preocupa a arma na Bahia, que tem uma configuração de criminalidade um pouco diferente da do Rio de Janeiro, mas pode ser uma indicação que a Bahia possa estar caminhando para um modelo semelhante ao do Rio de Janeiro", concluiu.

 

 

Fonte: G1

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Galeria de Fotos

Mais Lidas