5 benefícios do Pilates para o seu cérebro
21 Agosto 2018
Anuncie aqui
Banner  Central 3

5 benefícios do Pilates para o seu cérebro

Se você acha que o Pilates é um exercício para fortalecer seu CORE - músculos que dão suporte e estabilidade para as regiões pélvica, lombar e para o quadril- você está certo. Mas, há boas razões para acreditar que esse método, que se popularizou nos últimos tempos, tem também efeitos positivos para o seu cérebro.

Segundo a fisioterapeuta e especialista em Pilates, Walkiria Brunetti, o método conta mais de 500 exercícios precisos e controlados para dar flexibilidade e fortalecer a musculatura, principalmente da região do CORE. Originalmente chamado de contrologia, foi criado por Joseph Pilates, durante 1ª Primeira Guerra Mundial para ajudar na reabilitação de soldados feridos.

Ao longo dos anos, diversas pesquisas já apontaram que a técnica traz benefícios também para a saúde mental de seus praticantes. Veja abaixo como o Pilates beneficia o cérebro:

Exercita a capacidade de focar

“Durante as aulas de Pilates, é preciso estar muito atento às instruções. Os alunos são ensinados a perceber as sensações produzidas em cada movimento e precisam coordenar os movimentos com a respiração. Isso ajuda a viver o momento presente e ficar totalmente focado na atividade”, explica Walkiria.

Faz você ficar mais forte física e mentalmente

O Pilates é um tipo de treinamento de força e esse tipo de atividade está associada a algumas mudanças no cérebro. Um estudo publicado em 2015, no the Journal of the International Neuropsychological Society, mostrou que pessoas que praticam treinamentos para fortalecimento, duas vezes por semana, durante um ano, obtiveram melhoras na função executiva e na memória. Além disso, houve menor atrofia do cérebro.

Melhora a postura e a atitude

“Um dos objetivos do Pilates é melhorar a postura por meio do fortalecimento dos músculos do CORE. Isso ajuda os praticantes a terem mais consciência do alinhamento corporal em seus movimentos e em suas rotinas diárias. Uma postura mais adequada tem seus benefícios físicos, como redução de dor nas costas, nos ombros e no pescoço, como também oferece vantagens para a saúde mental”, diz a especialista. Uma boa postura ajuda a aumentar a autoestima e autoconfiança, por exemplo.

É uma oportunidade para aprender coisas novas

Quando a pessoa começa a fazer o Pilates, o cérebro irá se beneficiar por meio do aprendizado de novos padrões de movimento. “Sempre que você aprende algo novo que requer um esforço contínuo, você ajuda o seu cérebro a criar novas conexões, aumentando a sua capacidade cognitiva”, comenta Walkiria.

Pode ajudar a dormir melhor

Vários estudos já mostraram que a atividade física pode ajudar a regular o sono. “O Pilates envolve o corpo e o cérebro de diferentes maneiras que ajudam a limpar a mente, trazendo relaxamento e bem-estar, essenciais para uma boa noite de sono”, explica a fisioterapeuta. Um estudo comprovou que a prática ajuda a melhorar a qualidade do sono e sua duração em pessoas de meia idade, fase em que a insônia costuma ser mais intensa.

 

Fonte: Acorda Cidade

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Galeria de Fotos

Mais Lidas